A A A

Conforto e colo de Mãe na Síria

 

Duas imagens estão presentes nas regiões de guerra civil da Síria e duas no Iraque.

De tempos em tempos, as manchetes colocam em destaque os conflitos na Síria e as imagens de destruição e guerra assustam cada vez mais. A situação delicada e caótica que se desenrola pede, ainda mais, orações e contribuições ao Capital de Graças por aqueles que sofrem nas regiões de conflito.

É nesse cenário, em meio à dor e a violência, que um olhar de Mãe acompanha os filhos. Desde 2016, duas imagens peregrinas da Mãe e Rainha de Schoenstatt foram enviadas ao país.

No dia 1º de junho de 2016, foram abençoadas no Santuário de Confidencia, em Buenos Aires/Argentina, quatro imagens Peregrinas da Mãe Três Vezes Admirável. Duas delas foram levadas à cidade de Alepo pela Ir. María de Guadalupe Rodrigo, Irmã do Verbo Encarnado, argentina, que atuou como missionária por 18 anos no Oriente Médio (na Terra Santa, no Egito e na Síria). Atualmente essas imagens estão sob os cuidados da Família Religiosa do Verbo Encarnado.

As outras duas imagens peregrinas foram, posteriormente, enviadas ao Iraque junto com o Pe. Luis Montes, também missionário do Instituto do Verbo Encarnado (IVE). Ele fala no vídeo a seguir:

 

 

Ela vai ao encontro dos filhos, onde quer que estejam

As quatro Peregrinas foram abençoadas no Santuário Novo Schoenstatt, de Florêncio Varela/Argentina, durante uma peregrinação da Campanha da Mãe Peregrina de Buenos Aires, junto a uma Peregrina que foi para a Jamaica e outra que foi para a Holanda.

As “Peregrinas Fundacionais” – como chamam na Argentina – são enviadas a lugares onde ainda não existe a Campanha nem o Movimento Apostólico de Schoenstatt organizado. As primeiras foram para Jabarovsk, uma cidade no estremo leste da Rússia, próxima à fronteira com a China (também com um missionário do Verbo Encarnado, argentino), outras para a Guatemala, Venezuela, Nicarágua, Cuba, China. Outras imagens da modalidade chamada “Serenidade e Confiança” [1] foram enviadas para diferentes lugares dos Estados Unidos, Peru, México, Colômbia, Inglaterra.

Junto a nós

Desde 2013, o Brasil mantém uma política de concessão de vistos humanitários a refugiados sírios. Entre 2010 e 2017, foram reconhecidos 2.771 vistos, segundo os dados do Conare (Comitê Nacional para os Refugiados), que é um órgão ligado ao Ministério da Justiça.

Apesar da distância geográfica e cultural ser grande, pelo Capital de Graças é possível ajudar a todas as pessoas que sofrem nessas regiões e presentear-lhes certa proximidade espiritual. Com o esforço e sacrifício diário, por menor que seja, podemos colaborar para que a Mãe e Rainha avance pelas terras da Síria, levando as graças do Santuário a cada vez mais pessoas, levando Jesus como maior dádiva e consolo.

 

A Irmã María de Guadalupe levou as quatro imagens à região de Alepo, na Síria

 

Fotos: António Teixeria – Schoenstatt Portugal / Arquivo pessoal – Isabel Ubierna DE Winkler

 

[1] Nessa modalidade, criada na Argentina, a imagem da Mãe Peregrina visita especificamente pessoas que sofrem de angústia, depressão, tristeza e falta de paz interior. A Peregrina da Serenidade e Confiança acompanha os que têm de submeter-se a operações graves, aos familiares de pacientes em estado crítico, a pessoas angustiadas e àqueles que perderam um ente querido.