A A A

Institutos Seculares de Schoenstatt

Institutos Seculares de Schoenstatt

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

A vocação dos Institutos Seculares é especial consagração vivida plenamente de maneira secular, como consagrados. Os membros dos Institutos Seculares vivem os conselhos evangélicos de pobreza, obediência e castidade a partir de dentro do mundo: a consagração é secular! O Papa Paulo VI (26/09/70) assim os define: “Pertenceis à Igreja a título especial, o vosso título de seculares consagrados”.

Os Institutos da Igreja constituem-se de grupos de homens e/ou mulheres que se encontraram com Jesus Cristo e se apaixonaram por Ele. Querem viver e atualizar o mistério da vida e ressurreição de Jesus. São chamados a uma plena e completa consagração a Deus vivida em pleno mundo, a partir de dentro do mundo e com os meios do mundo, como Jesus, em seus trinta primeiros anos, na família de Nazaré.

Sua consagração os impele a serem radicalmente fiéis ao Evangelho até as últimas consequências. Estar no mundo, como fermento e sal, com presença discreta, mas ativa e transformadora das pessoas e da realidade, constitui sua estratégia específica e privilegiada de evangelização.

A opção pela secularidade consagrada é fruto de resposta a um chamado divino, para contribuir para que o mundo venha a ser aquilo que Deus quer. É amar o mundo no lugar onde Deus os coloca, para transfigurá-lo a partir de dentro, com o testemunho de vida. É Evangelização a partir da presença nos meios familiares, sócio-políticos, culturais e profissionais, de acordo com a vocação pessoal, discernida à luz do evangelho e realidade em que vive.

Os Institutos Seculares se fundamentam nos documentos do Magistério do Papa Pio XII: a Constituição Apostólica “Provida Mater Ecclesia” (1947), O Motu Próprio Primo Feliciter (1948) e a Instrução Cum Sanctíssimus (1948). Mais recentemente, em vários discursos dos Papas Paulo VI, João Paulo II e Bento XVI, no Decreto Perfectae Caritatis (nº 11) no Código de Direito Canônico (cânones 710-739) e na Exortação Apostólica Vita Consecrata (nº10).

O Movimento Apostólico de Schoenstatt traz em sua organização seis Institutos Seculares de vida consagrada, cada um com sua espiritualidade e características próprias, conforme o Espírito Santo inspirou ao Fundador, Pe. José Kentenich.

Texto base: Conferência Nacional dos Institutos Seculares